Matrícula Escolar Campinas 2020 → Inscrição, Calendário e Documentos

Com a aproximação do início do ano letivo, muitos pais já começam a se preocupar sobre a matrícula dos filhos nas escolas. Principalmente os que irão começar sua vida acadêmica e, também aqueles irão ser transferidos de escola. A matrícula Campinas 2020 pode ser feita online através da Secretaria Escolar Digital.

Todas as escolas estaduais de São Paulo terão consultas de matrículas e transferência online. Isso facilita muito a vida dos pais, evitando que enfrentem filas e tenham que ir de escola em escola em busca de vagas.

A Secretaria Escolar Digital é uma ferramenta válida para escolas estaduais de Campinas e de todo o restante do Estado de SP. Conheça mais e saiba como funciona:

Matrícula Escolar Campinas

Matrícula Escolar Campinas 2020: como funciona a Secretaria Escolar Digital?

O funcionamento da Secretaria Escolar Digital é bem simples e direto. Através da plataforma, os pais podem verificar as vagas disponíveis nas escolas estaduais que desejam matricular seus filhos.

A consulta é totalmente gratuita, precisando apenas do RA (Registro do Aluno) e sua data de nascimento. A ideia da Secretaria Escolar Digital é centralizar e agilizar todas as informações pertinentes à educação. Bem como a administração escolar, a gestão da instituição, os professores, alunos, pais e responsáveis. Tudo fica disponível online, desde a matrícula, até as notas e frequência do aluno.

Além da consulta de matrículas, o portal também oferece outros serviços, tanto para os alunos quanto para os pais, professores e servidores.

Os alunos podem criar um e-mail e através dele verificar o calendário escolar para não perder nenhum evento importante. Também pode acompanhar o seu boletim, onde verá suas notas e frequências.

Professores e servidores podem usar o portal para acessar a lista de turmas, acompanhar informações e dados importantes, além de lançar as notas dos alunos. Como as notas ficam disponíveis online, os pais e responsáveis também podem acompanhá-las, juntamente com os eventos escolares, basta ter o acesso à plataforma. O histórico escolar do aluno também fica disponível na Secretaria Escolar Digital.

MATRÍCULAS ABERTAS: Colégios públicos de Guarulhos 2020

Quem pode fazer a matrícula escolar Campinas?

Qualquer pessoa, seja os pais, responsáveis ou o próprio aluno podem acessar a plataforma para realizar a consulta, desde que tenha o RA (Registro do Aluno) em mãos. O intuito da Secretaria Escolar Digital é para auxiliar a transferência de matrícula e consulta de vagas disponíveis.

Contudo, confirmar seu interesse e formalizar a transferência de matrícula é necessário ir até a unidade de ensino onde se pretende estudar.

Como fazer a matrícula escolar Campinas 2020?

É bem simples fazer a Consulta Pública de matrícula através da Secretaria Escolar Digital. Acesse o endereço eletrônico: https://sed.educacao.sp.gov.br/ConsultaPublica/ Consulta e insira os dados solicitados (RA e data de nascimento do aluno).

As informações obtidas são referentes às escolas das redes estaduais e municipais.

Para a transferência de matrícula é preciso avaliar o caso para sua efetivação. Ela acontece quando há mudança de endereço para outro bairro ou município. Após feita a consulta online e verificar a disponibilidade de vagas, o aluno ou pais/responsável deverá ir até a instituição confirmar formalizar a solicitação da transferência da matrícula. Se o ano letivo já estiver em andamento, o aluno deverá continuar frequentando a antiga escola, enquanto aguarda a resposta sobre a transferência.

Se você não sabe qual o RA, deve entrar em contato com a escola onde o aluno já estuda para obter essa informação. Esse registro é obtido no Cadastramento Geral dos Alunos e é feito pela Secretaria.

Como requerer uma vaga de matrícula para o Ensino Integral?

Há uma nova modalidade de ensino, o Ensino Integral. Esse novo projeto do estado de SP conta com escolas que oferecem até 9h30 de estudo aos alunos. Além da carga de conteúdo das aulas regulares, o aluno poderá frequentar o Centro de Línguas, onde irá aprender idiomas como inglês, francês e japonês. Também poderá aliar o Ensino Médio com o Ensino Técnico, aumentando suas chances de entrar no mercado de trabalho.

Para requerer uma dessas vagas para o estudante, é necessário que os pais ou responsáveis compareçam à Diretoria de Ensino da região ou à secretaria da escola que pretende estudar. Será preenchida a ficha de adesão ao projeto com os dados do aluno: nome completo, data de nascimento, endereço e telefone para contato.

Rafaela Trevisan Cortes

Rafaela Trevisan Cortes, jornalista formada pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR). Revoltada por natureza, vê na comunicação uma oportunidade de extravasar a sua paixão por curiosidades, arte e conhecimento.

Conheça Mais Sobre o Autor

Deixe seu Comentário

WebGo Content